IRENE GUERRIERO – “Fé”
2021-Tecendo.jpg

IIrene Guerriero, Tecendo, 150x150cm, acrílica sobre tela

A pintura colorida de Irene Guerriero traz uma visão celular de paisagens. É como se a incidência de luz sobre as cores tornasse visível a unidade básica de seus trabalhos. Nos desenhos em grafite, essas células não aparecem fazendo emergir a uma certa estrutura óssea da imagem, que é mais dura e angular. Essa estrutura já estava presente nas suas pinturas, porém ofuscada pela palheta de cores. Logo no início da oficina, Irene mencionou o desejo de delimitar os próprios contornos de sua arte sem interferências ou julgamentos por terceiros. Um mergulho no seu mundo, sem a ação do alucinógeno das cores resgatou esses limites. Irene associou a palavra “fé” ao seu desenho final. Confiança na sua estrutura própria e individual.

www.ireneguerriero.com 

Irene Guerriero pinta em geral temas da natureza, focando na incidência da luz sobre as cores diversas e fortes de seus quadros, que remontam à estética psicodélica dos anos 1960.

Durante a oficina de corpo e arte realizada no dia 18 de junho de 2021, fizemos quatro desenhos, sempre sem olhar o papel e com foco naquilo que se desenhava: o primeiro, de um objeto ou paisagem que se via naquele momento. O segundo, de um fragmento desta imagem. O terceiro, invisível – desenhamos com o corpo no espaço. O quarto, uma síntese uma síntese das experiências sensoriais por que se tinha passado. Neste último, pedi que uma palavra (texto) fosse associada à imagem.

​​

3.jpg